RTV Caatinga

22/06/2020 - 14:43

TVs públicas parceiras da TV Caatinga exibem produções juninas

Estamos em meio a uma pandemia e com as recomendações de distanciamento, as tradicionais festas juninas não poderão ser realizadas. Para garantir a diversão do público em casa, as TVs públicas da Bahia e de Pernambuco prepararam uma programação especial com diversas atrações. Entre elas estão duas produções realizadas pela TV Caatinga em parceria com o Canal Futura. As exibições começam nesta segunda-feira e seguem até o dia 27.



O Sou São João apresenta em quatro episódios um panorama desse festejo. As edições abordam a origem da tradição e de alguns aspectos característicos como comidas típicas, símbolos e quadrilhas. O programa também discute essa manifestação cultural na atualidade.


Já o Sou Forró, também em quatro episódios, faz uma abordagem de temas que envolvem esse estilo musical, desde a criação com o Rei do Baião, até as variações de ritmo, danças e a cadeia produtiva. Dessa série, vai ser exibido o episódio Luiz Gonzaga e seus seguidores na TVU da UFPE, em Recife.



As duas produções tem a apresentação do cantor e compositor Targino Gondim e contam com a participação especial de personalidade do cenário musical como Alcymar Monteiro, Flávio José, Genival Lacerda e Flávio Leandro.


Confira abaixo como está a programação e saiba de que forma você pode acompanhar pela TV aberta:


Programa Sou São João


TVE Bahia: (22 a 25 de junho – 20:30)


Juazeiro: canal 8.1


Paulo Afonso: canal 8.1


Senhor do Bonfim: canal 10.1


Salvador: 10.1


TVPE: (22, 24 a 26 de junho – 19:30)


Petrolina: canal 13.1


Recife: canal 46.1


TVU: (23 a 26 de junho – 20:30)


Recife: canal 11.1


Programa Sou Forró – Episódio Luiz Gonzaga e seus seguidores


TVU: (27 de junho – 20:30)


Recife: canal 11.1


Caso você não possa assistir a exibição na TV aberta, as duas séries estão disponíveis nas nossas plataformas.


Através dessas parcerias, a TV Caatinga, WebTV Universitária da Univasf, consegue ampliar o alcance das produções e reforça o objetivo de colocar em evidência e debater a importância dessa tradição para o nosso povo e para a cultura nordestina.


 


Comentários